JiO que é subadquirente? Entenda essa intermediação de pagamentos

  • Post category:Vendas
JiO que é subadquirente? Entenda essa intermediação de pagamentos

O subadquirente consiste em um intermediador de pagamentos. Sendo muito utilizado pelos pequenos varejistas — pois a implementação é menos complexa — que acabam tendo menos gastos com implantação, porém maiores custos nas cobranças.

O subadquirente atua entre os clientes, os adquirentes e os varejistas. 

Nesse sentido, é importante ressaltar que os subadquirentes são habilitados por operadoras para efetuar transações com cartões em nome das empresas, funcionando como intermediário. Logo, ele coleta os dados dos consumidores, evita qualquer situação de fraude e envia as informações para fazer o pagamento. 

Não sabe se essa é a melhor opção para sua empresa? Continue a leitura e entenda mais a respeito do assunto!

Quais as diferenças entre adquirentes? 

Para compreender melhor, é importante conhecer a diferença de adquirente e subadquirente. O adquirente é quem processa o pagamento nas lojas físicas e virtuais, realizando a comunicação entre as organizações comerciais e os bancos responsáveis pelos cartões. 

No e-commerce, o adquirente realiza sua função na hora que o cliente insere as informações do cartão de crédito para executar a compra. Com isso, ele entra em contato com as bandeiras, que, assim, verificam com os bancos do cartão de crédito ou débito que o consumidor tem saldo suficiente. Esse processo ocorre de forma muito rápida, sendo quase imperceptível para o comprador. 

Se tiver saldo ou limite suficiente, o adquirente recebe a informação de que a transação foi aprovada e, em seguida, libera a compra. Para realizar esse processo o adquirente cobra uma taxa por transação, que pode variar de acordo com o negócio e da forma de pagamento escolhida pelo cliente.

Funciona assim:

  1. o cliente vai até o estabelecimento realizar uma compra;
  2. a loja utiliza o subadquirente para executar a cobrança da venda;
  3. o subadquirente vai até o adquirente (operadora do cartão);
  4. o adquirente realiza a comunicação com o banco responsável para certificar as informações e o saldo. 

Como isso impacta a liquidação das transações financeiras? 

Dessa forma podemos dizer que o subadquirente é um facilitador pois ele possui excelentes recursos de comunicação, segurança e baixo índice de fraude.

Além do mais, ele permite que o comprador realize o pagamento por meio de cartões de diferentes bandeiras. E seu negócio também pode oferecer outras formas de pagamento, como boleto bancário ou transferência eletrônica, tudo pela mesma plataforma. 

Se o lojista decide “pular” o subadquirente e contratar os serviços diretos de uma adquirente, deve também contratar um gateway de pagamentos, proteção contra fraudes e o serviço de boleto bancário, caso ofereça essa forma de pagamento. Embora o custo por transação seja menor nesse caso, os custos de implantação costumam ser altos e podem ser inviáveis para pequenos negócios.

Sendo assim, para escolher a melhor opção para seu negócio é necessário ter uma boa gestão financeira. Ter o controle dos recebíveis, conhecendo as taxas cobradas por cada operadora e bandeira e o rendimento das vendas, é essencial para a tomada de decisões. É exatamente isso — e muito mais — que o app da Tiquei faz pelo seu negócio.

Nesse post, você aprendeu o que é subadquirente e como ele torna o processo de pagamento mais prático, seguro e ágil. Viu também a importância de uma boa gestão financeira para melhorar a tomada de decisão e aumentar a vantagem competitiva de sua empresa.

Gostou do nosso post? Então, aproveite para entrar em contato conosco para conhecer melhor nossas soluções!

Se junte ao universo Tiquei

#somosmulti #somostiquei

Baixe gratuitamente: