Pagamentos digitais: por que incorporar no seu negócio?

Pagamentos digitais: por que incorporar no seu negócio?

O e-commerce teve, nos últimos anos, um expressivo crescimento como forma de comercialização de produtos e serviços. Para se ter uma ideia, em 2019, o faturamento chegou a R$ 35 bilhões no primeiro semestre. A tendência é que esse crescimento continue, ainda mais neste momento delicado em que as pessoas não podem sair de casa.  

Os negócios precisam se adaptar e trazer formas mais práticas de fornecer pagamentos digitais. Essa não é uma estratégia só para a pandemia, é uma tática para o longo prazo. Quem não se adaptar tem grandes chances de não permanecer.

Por isso, hoje vamos falar qual é a importância de ter esse tipo de pagamento no seu negócio. Confira!

Os pagamentos digitais

Os pagamentos digitais são basicamente meios que permitem que uma transação on-line seja efetivada. Ele é o intermédio entre a informação de crédito do cliente, o banco e a sua loja. Há muitas vantagens de ter essa possibilidade, entre elas, podemos destacar:

  • comodidade: boa parte dos meios digitais são automáticos, o que facilita tanto para o comerciante quanto para o consumidor;
  • economia de tempo: não há demora para saber se o cliente tem crédito ou não para efetuar aquela operação. O processamento é bastante rápido;
  • flexibilidade: além da possibilidade de pagar por cartão de crédito, muitas plataformas disponibilizam geração de boletos, parcelamento e outras facilidades.

Os principais tipos de pagamentos digitais

Aqui, vamos apresentar alguns dos meios digitais de pagamento encontrados no mercado. Cada um, possui características próprias que dependem da necessidade do lojista. Vamos entender mais a seguir.

Gateways

É bastante semelhante às máquinas de cartão, ou seja, é mais um intermediário entre a loja e os adquirentes. Como principal característica estão as possibilidades de pagamento que oferece, é possível fazer uma transação de cartão de crédito, débito ou gerar um boleto bancário.

WhatsApp

É provavelmente a forma de pagamento mais nova das que vamos apresentar aqui. Uma novidade que recentemente o WhatsApp apresentou para quem utiliza o aplicativo de conversas para trabalho. O WhatsApp Pay é uma função que permite transferências diretamente no app, aceitando transações em débito e crédito. Os usuários enviam dinheiro não só para os lojistas, mas também, para os seus contatos.

Integração direta

Nesse caso, não há nenhuma ferramenta como intermediador entre o lojista e a adquirente. Sendo assim, é o comerciante que deve verificar se a operação foi ou não concluída.

Intermediadora

Nessa situação, o pagamento é terceirizado para outra empresa fica responsável por gerenciar a transação. Geralmente, é cobrada uma taxa toda vez que a operação é confirmada. Por isso, o ideal é o comerciante fazer uma gestão dos custos antes de considerar essa alternativa.

A segurança nos pagamentos digitais

De maneira geral, esses pagamentos possuem mecanismos de segurança para que a transação seja efetivada com o maior controle possível. Tanto em termos de informações sobre os valores, quanto em relação à disponibilidade de crédito e os dados dos clientes.

Entretanto, eles não estão imunes as fraudes e essa é uma possibilidade que o comerciante deve estar atento. O ideal, para proteger o negócio e o cliente, é conhecer como o meio de pagamento funciona, entendendo todos os seus detalhes e as possibilidades de segurança.

Esperamos que este texto tenha esclarecido as principais informações sobre pagamentos digitais. Quer continuar aprendendo e melhorando o seu negócio? Então, acesse o nosso texto sobre gerenciar o seu fluxo de caixa!

Se junte ao universo Tiquei

#somosmulti #somostiquei

Baixe gratuitamente: