Metodologia GTD: o que é e como usá-la para otimizar seu tempo

  • Post Category:Vendas
Metodologia GTD: o que é e como usá-la para otimizar seu tempo

Otimizar o tempo disponível e ter mais produtividade é um dos grandes desafios para quem administra uma empresa, independentemente do seu porte. Afinal, há muitas tarefas a serem cumpridas diariamente e aspectos burocráticos existentes em muitos processos.

Pensando nisso, o objetivo deste post é apresentar a você a metologia GTD (sigla em inglês para Getting Things Done), como ela é estruturada e funciona, bem como quais passos seguir para colocá-la em prática. Interessado em conhecer essa maneira de organizar seu tempo? Então, prossiga com a leitura.

O que é metodologia GTD?

O método GTD foi criado pelo consultor americano David Allen, que o popularizou no livro “Getting Things Done”, traduzido para o português como “A arte de fazer acontecer”.

Mais do que uma forma de gerenciar seu tempo, a metodologia desenvolvida por Allen tem como objetivo elevar a produtividade (ou seja, produzir mais trabalhando menos), liberar sua capacidade mental para atividades que exijam criatividade e manter o controle de todas as suas obrigações. Assim, garante-se que elas sejam concluídas dentro do prazo esperado.

Como funciona a metodologia GTD?

O método GTD funciona com base em dois conceitos-chave. O primeiro deles envolve deixar o trabalho seguir um fluxo e focar sua atenção na execução da atividade mais importante daquele instante, seja ela qual for.

No entanto, para que cada atividade seja desenvolvida com plena atenção, é importante registrar tudo o que precisamos fazer fora da nossa memória, para evitar que ela fique sobrecarregada e comprometa o desempenho no trabalho. Manter esse registro, seja num bloco de notas ou numa agenda eletrônica, é o segundo conceito-chave do método GTD.

A combinação desses dois conceitos permite não apenas que nossa rotina seja organizada de forma melhor e se torne muito mais produtiva, como também libera espaço mental. Ele pode, então, ser utilizado na hora de tomar decisões mais precisas, sempre com o apoio das informações registradas em suportes externos.

Quais são os 5 passos da metodologia GTD?

Depois de entender os princípios básicos do GTD, deve ter ficado claro que, mais do que um método de organização, ele é uma forma de pensar diante das tarefas da nossa rotina. Todavia, para implementar o método em si, é necessário seguir alguns estágios, conforme listamos abaixo.

1. Coletar

Tudo aquilo que demanda a sua atenção deve ser concentrado nesse primeiro estágio, também chamado de captura. Esse processo pode ser feito utilizando um único suporte ou por meio da divisão entre caixas de entrada físicas (para papéis e anotações, por exemplo) e digitais (com e-mails e arquivos digitais).

2. Processar

Depois de coletadas, é necessário fazer uma triagem das informações. Primeiro, verifique se cada item capturado demanda alguma ação. Os que não demandarem devem ser descartados, enquanto os que precisem de alguma ação devem ser classificados de acordo com a sua urgência e a necessidade de intervenção de outras pessoas.

3. Organizar

Depois de classificadas, as tarefas podem ser detalhas nessa etapa, determinando onde cada atividade deve ser desenvolvida (presencialmente ou pela internet, por exemplo), ou o tempo necessário para que elas sejam completadas.

4. Revisar

Esse passo consiste em analisar tudo o que foi feito durante determinado período. É normal que as revisões sejam feitas ao final da semana, o que possibilita já organizar as semanas seguintes.

5. Engajar

Por fim, com todas as tarefas organizadas, tome a iniciativa para que elas sejam executadas. Para isso, veja quais são as atividades listadas e tome o primeiro passo para que elas deixem de ser uma pendência na sua lista.

Como pôr em prática o método GTD?

Ficou interessado na metodologia GTD? Ela pode ser uma excelente ferramenta para organizar e liberar mais espaço na sua vida, tanto pessoal quanto profissional. Para que ela seja efetiva, é necessário estar engajado com seus conceitos, além de se aprofundar mais sobre o tema.

No mais, é preciso sempre lembrar que nenhuma mudança acontece do dia para a noite, e que boa parte das vantagens do GTD listadas aqui vêm na alteração da forma como pensamos, algo que costuma levar algum tempo.

Para mais dicas como essa, assine nossa newsletter e receba os melhores conteúdos diretamente na sua caixa de entrada.

Se junte ao universo Tiquei

#somosmulti #somostiquei

Baixe gratuitamente: